Instituto Gnosis: projetos

Hospital da Mulher Heloneida Studart

Hospital da Mulher Heloneida Studart (HMHS), em São João de Meriti, é o primeiro da rede estadual de saúde totalmente especializado no atendimento as gestantes e bebês de médio e alto risco, principal unidade de referência para este tipo de atendimento na Baixada Fluminense.

Inaugurado em 2010, o Hospital da Mulher Heloneida Studart (HMHS), em São João de Meriti, é o primeiro da rede estadual de saúde totalmente especializado no atendimento as gestantes e bebês de médio e alto risco, principal unidade de referência para este tipo de atendimento na Baixada Fluminense. Atende no ano de 2018, 3,3 mil consultas ambulatoriais, 40 mil exames laboratoriais e de imagem realizados e 4.800 partos entre cirúrgicos e vaginais. Desde fevereiro de 2018 o HMHS é gerido pelo Instituto Gnosis por meio de contrato com a Secretária de Estado de Saúde do Rio de Janeiro.

Entre os serviços disponíveis, a unidade oferece atendimento integral à mulher no período gestacional de alto risco, colposcopia, mamografia, ultrassonografia e cardiotocografia. A área construída é de 13.000 m², com dois pavimentos assistenciais.

Escalas Semanais

03 a 09 de agosto - Acesse!
27 de julho a 02 de agosto - Acesse!
20 a 26 de julho - Acesse!
21 a 27 de setembro - Acesse!

Além disso, o hospital conta com 66 leitos Alojamento Conjunto, 10 leitos de UTI Materna, 20 leitos de UTI e 29 UI Neonatal e conta com uma equipe de profissionais especializados. Possui 02 salas PPP (Pré Parto, Parto e Puerpério), 05 salas de Cirurgias, 04 leitos de RPA.

O hospital adota a cultura do parto humanizado - conjunto de ações que visam atender as necessidades das gestantes, incluindo desde a presença de um acompanhante de sua confiança durante o parto até aspectos fisiológicos, psicossociais e sociais. Conta com o diferencial de atendimento com enfermeiras obstétricas e Doulas para o atendimento a gestante.

A unidade dispõe de local para identificação civil dos Rns, com confecção gratuita de certidão de nascimento e identidade.

Fluxo de Atendimento

Por se tratar de uma unidade especializada em casos de alta complexidade, o hospital foi pensado para atender mulheres que chegam por meio de regulação e são acolhidas no ambulatório, realizam todo o pré-natal e o parto na unidade. Possui ambulância que proporcionam maior agilidade no transporte de pacientes com indicação para internação externa.

A unidade conta com o serviço SOS Mulher, que acolhe vítimas de violência a partir de 12 anos de idade.

Casa da Mãe

Outro diferencial é a Casa da Mãe, local onde a puérpera fica hospedada durante a permanência de seu bebê na UTI ou na UI. O espaço recebe mulheres que moram longe da unidade − mínima de 50 km de distância - ou em lugares de difícil acesso e permite que essas mães fiquem próximas aos filhos que estão internados, estimulando o laço materno e garantindo, o contato e o aleitamento materno exclusivo, tão importantes na recuperação dos recém-nascidos internados na unidade.

Banco de leite Humano (BLH)

Inaugurado em Maio de 2016, faz captação de leite humano, internamente e externamente, é nosso 2º BLH para a baixada Fluminense, fornece LHOP (Leite humano Ordenhado Pasteurizado) aos Rns internados. Faz atendimento de orientação a amamentação individual e em grupo.

Serviço de identificação civil

Possui serviço de Cartório e de identificação Civil para os Rns nascidos na unidade e confecciona 2ª via de identificação para os responsáveis quando necessário.

Fonte: Website SES RJ

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco